sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Nos braços do guerreiro

Boa Tarde amores *-*

Hoje poste diferenciado aqui no blog ... O comentário desse livro fiz ano passado, se não me engano, e hoje vou postar uma das cenas mais fafadenha ^-^ srsrsrsr entre o casal.

Capítulo 22

[...] Morren começou a subir as escadas, e Trahern se juntou a ela. Embora ela não parecesse estar mais zangada, ele não sabia o que lhe dizer. Tentara reunir argumentos para faze-la enxergar a situação com bom senso, maneiras racionais de explicar por que não deveriam consumar suas relações intimas.
 Mas todas as palavras pareceram desaparecer do cérebro dele quando a viu parada no outro extremo do quarto, despindo o vestido. Ela se movia devagar, erguendo a lã molhada até passá-la pela cabeça. O léine que usava por baixo foi a próxima peça a sair, expondo as longas pernas e o bumbum provocante.
 Trahern sentiu a boca seca quando a viu nua. Morren passou as mãos pelo longo cabelo dourado, espremendo a água das pontas. E, quando se virou para encará-lo, mechas úmidas roçavam nos mamilos.
 Jesus amado. Ela estava tentando matá-lo?
 Sim. Sim, estava. Com passos lentos e seguros, Morren caminhou até a cama e entrou sob as cobertas. Trahern cerrou os dentes e removeu a própria roupa molhada, estendendo-a para secar. Os dentes dele batiam quando se deitou ao lado dela. A ânsia desesperada de estar com Morren, de tocá-la, era como uma maldição. O membro estava rígido de desejo, e as mãos dele seguravam o colchão com força.
 De repente, Morren virou-se para encará-lo. Embora continuasse aconchegada sob as cobertas, sorriu para ele.
 - A brincadeira foi divertida.
 E fora mesmo, mas Trahern podia pensar em coisas mais divertidas que eles poderiam estar fazendo naquele momento.
 -Foi mesmo.
 -Patrick disse que estará claro o bastante amanha para que possamos partir para Glen Omrigh.
 -Sim. - Trahern mal conseguia confiar em mesmo para dizer mais do que uma ou duas palavras. Atormentava-o saber que a pele nua e sedosa da esposa estava a apenas alguns centímetros de distancia do toque dele.
 -Estou com um pouco de frio - disse Morren de repente. E antes que Trahern pudesse dizer qualquer coisa, ela se virou de costas para ele e aconchegou o bumbum contra o membro rígido dele. Morren passou os braços do marido ao redor da cintura dela, e os dedos dele roçaram a curva dos seios. - Você não se incomoda de me manter aquecida, não é?
 Trahern precisou morder a língua para não gemer quando ela levantou um pouco mais o traseiro, fazendo com que o membro dele se encaixasse no espaço entre as pernas dela. Se Morren abrisse um pouco mais as pernas, seria fácil deslizar para dentro dela.
 - Sei o que está fazendo - disse ele - Não vai funcionar.
 - Não sei o que quer dizer - falou ela - Você mesmo disse que não há nada de errado em darmos prazer um ao outro de outras maneiras. - Morren fechou a mão ao redor do membro rígido e quente. 
 Com um único movimento firme, ela afastou todas as razões que ele teria para não tocá-la. Trahern fez com que Morren se virasse de frente para ele e capturou sua boca. Ela passou a perna em torno do quadril dele, em um convite silencioso. O beijo afagou qualquer protesto que ele pretendesse fazer, o calor da pele de Morren acabando com todo o  autocontrole dele.
 [...]
 - Me desculpe - sussurrou Morren, interrompendo o beijo - Não tinha intenção de deixá-lo desconfortável. - Ela estende a mão para tocá-lo de novo, e Trahern não conseguiu conter o gemido que escapou da garganta. - Se você preferir que só... toquemos um no outro, acho que está tudo bem. - Morren beijou o pescoço dele, enquanto a mão continuava a se mover com ritmo na ereção dele.
 Embora o prazer que sentia fosse inegável, Trahern queria que ela sentisse o mesmo. Ele estendeu a mão até alcançar o centro do prazer da esposa, estimulando-a, para que ela também chegasse ao máximo do prazer. A respiração de Morren ficou mais pesada, e a mão dela se moveu com mais rapidez no membro dele. Trahern estremeceu, e, quando Morren de repente arqueou o corpo contra ele, cedendo aos espasmos do êxtase, a semente dele jorrou com força.
 Trahern abraçou Morren com o coração em disparada. Ela estava certa. Não era a mesma coisa.


[...]

Até o próximo :**

2 comentários:

Se você fosse minha - Bella Andre

Boa tarde leitores! Estou em suspiros por esse final de livro *-* Muito lindo e só para esclarecer, são oito livros contando o romance dos ...